Gerdau inicia investimentos de R$ 718 milhões no Estado de São Paulo

- Os recursos serão destinados para a expansão de usina de aços especiais e a instalação de uma nova fábrica de produtos prontos para o uso na construção civil, ambos em Pindamonhangaba, bem como melhorias na usina de Araçariguama.

- Deverão ser gerados aproximadamente 2,6 mil novos empregos, sendo 330 novos postos de trabalho diretos, 1.480 indiretos na cadeia produtiva e 780 vagas temporárias no pico das obras.
 
A Gerdau, com a presença do governador Geraldo Alckmin, clientes e representantes da comunidade local, realiza hoje, dia 31 de maio, a cerimônia que marca o início dos investimentos de R$ 718 milhões que serão concluídos até 2013, no Estado de São Paulo. Os recursos serão destinados para a expansão da usina de aços especiais voltados para o mercado automotivo e também para a instalação de uma nova fábrica de produtos prontos para o uso na construção civil, ambos em Pindamonhangaba. Também faz parte do pacote investimentos na laminação da usina de Araçariguama para a instalação de uma nova linha de produtos direcionados para a construção civil.
 
“A decisão de investir em São Paulo foi impulsionada pela expansão da demanda da indústria automotiva e da construção civil no País. Esses investimentos nos permitirão continuar atendendo nossos clientes com agilidade e flexibilidade e ampliarão a qualidade e a diversificação de nossos produtos”, afirma o diretor-presidente (CEO) da Gerdau, André B. Gerdau Johannpeter.
 
O pacote de investimentos programados para São Paulo envolve a instalação de um novo laminador de aços especiais na usina de Pindamonhangaba, com capacidade instalada anual de cerca de 500 mil toneladas de barras redondas. Com isso, a capacidade instalada anual da usina, que destina cerca de 80% de seus produtos para o mercado automotivo, crescerá das atuais 700 mil toneladas de laminados para 1,2 milhão de toneladas. O novo equipamento iniciará suas operações em 2012 e terá como foco o atendimento do mercado brasileiro.
 
Também será construída, na cidade de Pindamonhangaba, uma nova fábrica de produtos prontos para o uso na construção civil – telas para concreto, malhas, telas para tubos, telas para colunas, telas especiais e treliças –, que aumentam a agilidade e reduzem os custos das obras. O novo empreendimento tem sua conclusão prevista para 2013. Os produtos prontos para o uso utilizarão como matéria-prima o aço Gerdau proveniente das usinas de aços longos da Companhia.
 
Além disso, haverá investimentos em melhorias no laminador da usina de Araçariguama, proporcionando ganhos de produtividade para toda a cadeia de negócios. A iniciativa compreende a instalação de uma nova linha de vergalhões GG-50 em rolos, cuja entrada em operação ocorrerá em 2012.
 
Esses investimentos deverão gerar aproximadamente 2,6 mil novos empregos, sendo 330 novos postos de trabalho diretos, 1.480 indiretos na cadeia produtiva e 780 vagas temporárias no pico das obras.
 
A Gerdau possui três unidades produtoras de aços especiais e uma de aços longos no Estado de São Paulo. Somam-se a elas um laminador, quatro unidades de transformação, nove unidades de corte e dobra de aço, um centro de serviços de aços planos, cinco plantas de coleta e processamento de sucata, um escritório e 17 filiais comerciais.
 
Sobre a Gerdau
A Gerdau é líder na produção de aços longos nas Américas e uma das maiores fornecedoras de aços longos especiais no mundo. Possui 45 mil colaboradores e operações industriais em 14 países – nas Américas, na Europa e na Ásia –, as quais somam uma capacidade instalada superior a 25 milhões de toneladas de aço. É a maior recicladora da América Latina e, no mundo, transforma, anualmente, milhões de toneladas de sucata em aço. Com cerca de 140 mil acionistas, a Gerdau está listada nas bolsas de valores de São Paulo, Nova Iorque e Madri.
 
X
 
Porto Alegre, 31 de maio de 2011
Assessoria de imprensa – 51 3323-2170
imprensa@gerdau.com.br
www.gerdau.com.br
 
 
« Back
De
Nome
Para
Nome
E-mail