Gerdau debate rumos da pecuária e da vitivinicultura no Rio Grande do Sul

Evento ocorre na próxima segunda-feira, 28 de agosto, no auditório da administração do Parque Assis Brasil, na Expointer

O Grupo Gerdau leva informação para a Expointer. Na próxima segunda-feira, 28 de agosto, serão promovidas duas palestras no auditório da administração do Parque Assis Brasil, em Esteio. A primeira delas trata da realidade e das perspectivas da pecuária no Rio Grande do Sul e ocorrerá às 9 horas. O encontro será conduzido pelo engenheiro agrônomo Gustavo de Lima Lemos, mestre em agronegócio pela Universidade de Belgrano, na Argentina, e em Gestão Empresarial, pela Fundação Getúlio Vargas.
 
O pesquisador da Embrapa Henrique Pessoa dos Santos vai falar às 10h30 sobre os sistemas de condução da videira: aspectos ecofisiológicos e influências sobre a produtividade e a qualidade enológica da uva. O engenheiro agrônomo é mestre em fitotecnia e doutor em fisiologia vegetal.

Produtos para fruticultura são destaque na Expointer
 
O estande da Gerdau na Expointer destaca soluções para fruticultura, uma linha composta por sete produtos que, utilizados em conjunto, dobram a produtividade na construção de estruturas de videiras em um mesmo espaço de tempo em relação aos sistemas convencionais. Os destaques são o Mourão de Aço e o Arame para Culturas Aéreas, o Tutor e o Ancorfix Gerdau.
 
Ecologicamente correto, o Mourão de Aço Gerdau para Culturas Aéreas é ideal para dar sustentação à parreira. O produto substitui os postes intermediários com a vantagem de oferecer um ambiente sadio para as plantas evitando a proliferação de fungos. Com tripla camada de galvanização, o Arame para Culturas Aéreas resiste por mais tempo à agressividade do ambiente de cultivo, evitando gastos freqüentes de manutenção. Além disso, conjuga maleabilidade e facilidade de manuseio.
 
O Tutor Gerdau serve para escorar a muda, ou seja, auxiliar na condução do crescimento da planta. Garante sanidade à videira, evitando a proliferação de fungos. Por ser de aço, possui maior vida útil, já que pode ser reaproveitado, ao contrário da madeira ou do bambu.
 
O Ancorfix Gerdau permite o esticamento dos arames e cordoalhas nas parreiras, evitando que fiquem frouxos ou se desloquem. Instalado diretamente no solo, com o movimento de um parafuso, o produto oferece maior agilidade na instalação, pois dispensa o uso de cavadeira. Também elimina o contato do arame e cordoalha com o solo, aumentando a sua durabilidade.

Assessoria de Imprensa – (51) 3323-2170
imprensa@gerdau.com.br
www.gerdau.com
 
Sexta-feira, 25 de agosto de 2006
 
 
« Back
De
Nome
Para
Nome
E-mail