Voluntários da Gerdau Cearense apadrinham três miniempresas no projeto Junior Achievement 2010

Oitenta alunos serão beneficiados em três escolas do Ceará

A Gerdau Cearense, em parceria com a Junior Achievement, realiza mais uma edição do Programa Miniempresa no Ceará. Neste ano, serão beneficiados 80 alunos nas três escolas: Projeto Pescar, escola profissionalizante que funciona dentro da usina, Paulo VI, em Fortaleza, e Governador Gonzaga Mota, em Maracanaú. Os participantes serão orientados por oito profissionais voluntários da Gerdau, os advisers. O projeto teve início no dia 22 de setembro e segue até o final de novembro, quando acontece a cerimônia de encerramento e formatura no auditório da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec).

A iniciativa, coordenada pelo Instituto Gerdau, tem como objetivo facilitar o acesso dos jovens ao mercado de trabalho e fornecer uma noção exata do funcionamento de uma empresa. Durante cerca de quatro meses, os estudantes criam um produto, definem estratégias de marketing, desenham e colocam em prática os processos produtivos e fazem a comercialização, pagando hipoteticamente os impostos e até mesmo vendendo ações da empresa para membros da comunidade – que, ao final do projeto, recebem seus dividendos. É, inclusive, vendendo ações que os alunos levantam os recursos necessários para o início da produção.

Além disso, os próprios alunos se organizam para dividir as tarefas da empresa – a distribuição de cargos, da produção aos quadros executivos, tudo é definido pela turma, sob orientação dos voluntários. Marketing, Produção, Financeiro e Recursos Humanos são as quatro áreas ministradas no curso por voluntários. De acordo com o coordenador do Junior Achievement, Daniel Matos, “O projeto só traz benefícios tanto para os participantes como para os advisers, que desenvolvem sua oratória, o trabalho em equipe, a comunicação e o gerenciamento de tempo e liderança”. Daniel conta ainda que já existem voluntários na fila para participar do programa em 2011. “Isso só é possível porque acreditamos no projeto”, diz.

Aprendendo a ser empresário

Entre as turmas trabalhadas pela Junior Achievement está a de Aline Souza, estudante do 2º Ano do Ensino Médio e que faz parte do Projeto Pescar. Para a jovem de apenas 16 anos, a “Miniempresa” representa uma oportunidade de adquirir novos conhecimentos que dificilmente poderiam chegar até ela. “Tenho muitas expectativas e pretendo aprender o máximo e colocar os conhecimentos em prática na minha vida pessoal e profissional”, disse. Aline ressaltou ainda que seu grupo já decidiu quais produtos vão criar. “Optamos por desenvolver pulseira de lã e canetas personalizadas também de lã. Já estamos, inclusive, vendendo 100 ações no valor de R$10,00. Com essa renda, poderemos montar a miniempresa, que se chamará Artelã”, afirmou a adolescente.

A aluna Juliana Lopes também faz parte do grupo e fala que o projeto pode abrir novos horizontes para ela e o resto da turma. “Acredito que o programa pode me ajudar tanto em ampliar minhas habilidades para os negócios como também por incentivar os participantes a ter dedicação e afinco naquilo que se faz”, diz. 

Sobre Junior Achievement

A Junior Achievement é uma associação norte-americana, sem fins lucrativos, fundada em 1919 nos Estados Unidos, presente em mais de 113 países, e, no Brasil, está presente desde 1983, sendo a maior e mais antiga organização de educação prática em economia e negócios, mantida pela iniciativa privada que registra o mais rápido crescimento no mundo.

A Associação Junior Achievement do Ceará com sede em Fortaleza, fundada desde maio de 2005, e tem como missão difundir o espírito empreendedor nos jovens, ainda na escola, estimular o desenvolvimento pessoal, proporcionar uma visão holística do mundo dos negócios e facilitar o acesso ao mercado de trabalho. Oferece programas de educação econômico-práticos e experiências no sistema de livre iniciativa, através da parceria entre escolas e voluntários da classe empresarial.

Sobre o Instituto Gerdau

O Instituto Gerdau coordena as políticas e diretrizes de responsabilidade social do Grupo Gerdau, colaborando com todas as operações para identificar oportunidades de desenvolvimento de projetos de sustentabilidade. Seu foco são as iniciativas nas áreas de educação e mobilização solidária, de acordo com as necessidades das comunidades locais.

Sobre a Gerdau

A Gerdau é líder na produção de aços longos nas Américas e uma das maiores fornecedoras de aços longos especiais no mundo. Possui mais de 40 mil colaboradores e presença industrial em 14 países, com operações nas Américas, na Europa e na Ásia, as quais somam uma capacidade instalada superior a 25 milhões de toneladas de aço. É a maior recicladora da América Latina e, no mundo, transforma, anualmente, milhões de toneladas de sucata em aço. Com mais de 140 mil acionistas, as empresas de capital aberto da Gerdau estão listadas nas bolsas de valores de São Paulo (Bovespa: GGBR4, GGBR3, GOAU4, GOAU3 e AVIL3), Nova Iorque (Nyse: GGB), Madri (Latibex: XGGB) e Lima (BVL: SIDERC1).

 
 
« Back
De
Nome
Para
Nome
E-mail