Projeto Pescar inaugura unidade em Divinópolis (MG)

Vinte e quatro jovens em situação de risco participam de curso de iniciação profissional em vendas e atendimento ao cliente

O Projeto Pescar inaugura oficialmente sua Unidade em Divinópolis (MG), no próximo dia 3 de dezembro, quarta-feira, no auditório da Gerdau Divinópolis, que apóia a iniciativa. Participarão do evento representantes da Gerdau e empresas parceiras, voluntários e familiares dos estudantes.
 
Em setembro, foram iniciadas as aulas de capacitação para a primeira turma, formada por 24 alunos entre 16 e 19 anos, regularmente matriculados na rede de ensino, em situação de vulnerabilidade e que residam na região onde a usina está instalada. A boa receptividade da comunidade ao projeto, que já conta com 19 parceiros além dos colaboradores autônomos, permitiu que fosse ampliada a participação de beneficiados além dos 20 jovens previstos inicialmente. O programa tem por objetivo transformar a vida de jovens dos bairros Porto Velho, Nações, Davanuze, Nossa Senhora das Graças, São João de Deus e Maria Helena, oferecendo oportunidades de desenvolvimento pessoal e capacitação profissional.
 
Direcionada pelo Instituto Gerdau, responsável pelas políticas e diretrizes de responsabilidade social da empresa, a iniciativa conta com a participação de mais de 20 voluntários da unidade e da comunidade. O curso é realizado na usina da Gerdau em Divinópolis, de segunda a sexta-feira, com duração de 12 meses. O antigo prédio da Fundação Gerdau foi reformado com objetivo de adequação para as atividades propostas. Ele conta com sala de aula equipada com computador, projetor e outros equipamentos didáticos, biblioteca, dois vestiários, copa e espaço para o voluntário.
 
O foco em Divinópolis é a iniciação profissional em vendas e atendimento ao cliente. Serão ministradas aulas de desenvolvimento pessoal e cidadania, que correspondem a 60% da grade curricular, com conteúdos que ressaltam aspectos de relações interpessoais e familiar, saúde, meio ambiente e ecologia, empreendedorismo além de comunicação e tecnologia.
 
Outra parte do programa envolve a formação profissional, que engloba temas de perfil profissional, missão, visão e valores das empresas, fluxograma entre setores, funções e sub-funções do comércio, princípios da qualidade e filosofia do 5S, técnicas de vendas, pré e pós-vendas bem como atendimento ao cliente, atitude e eficiência. O conteúdo também inclui noções de negociação, sistema de consulta e proteção ao crédito, aplicação de descontos e porcentagem, marketing, merchandising, mídia, logística e estoques.
 
A escolha do tema levou em conta a forte demanda do município de profissionais capacitados na área de vendas. Dados da prefeitura mostram que o comércio é o setor que mais emprega em Divinópolis, com mais de 11.800 profissionais, em sua maioria no varejo, seguidos pela indústria têxtil e pela siderurgia.

Sobre o Projeto Pescar
 
A Fundação Projeto Pescar é uma organização não-governamental sem fins lucrativos mantida por empresas e apoiada por instituições privadas e públicas, nacionais e internacionais. O projeto é uma rede que funciona por meio de sistema de franquia social. As empresas franqueadas abrem espaço para a formação pessoal e profissional de adolescentes de baixa renda em suas próprias dependências, encaminhado-os depois ao mercado de trabalho. Além de promover a aprendizagem básica para o exercício de uma profissão nas mais diversas áreas da indústria, do comércio e da prestação de serviços, o Projeto estimula seus jovens a adotarem novos hábitos e atitudes de convivência e cidadania.
 
O Projeto Pescar tem seu nome originário da filosofia do chinês Lao Tse (1324 - 1408 a.C.), “Se deres um peixe a um homem faminto vais alimentá-lo por um dia. Se o ensinares a pescar, vais alimentá-lo por toda a vida”.
 
Mais de 11 mil jovens já foram formados em seus programas, que são aplicados em 11 estados brasileiros. Em Minas Gerais, há iniciativas em Betim, Itajubá e, agora, em Divinópolis
 
Sobre a Gerdau
 
A Gerdau é líder na produção de aços longos nas Américas e líder mundial em aços longos especiais para a indústria automotiva. Possui 46 mil colaboradores e tem operações nas Américas, Europa e Ásia, as quais somam uma capacidade instalada de 26 milhões de toneladas de aço. É a maior recicladora da América Latina e, no mundo, reaproveita mais de 18 milhões de toneladas de sucata anualmente. Com mais de 140 mil acionistas, as empresas de capital aberto da Gerdau estão listadas nas bolsas de valores de São Paulo (Bovespa: GGBR4, GGBR3, GOAU4 e GOAU3), Nova Iorque (NYSE: GNA, GGB), Toronto (GNA) e Madri (Latibex: XGGB).

Assessoria de Imprensa – (51) 3323-2170
imprensa@gerdau.com.br
www.gerdau.com
 
Segunda-feira, 1 de dezembro de 2008
 
 
« Back
De
Nome
Para
Nome
E-mail