Prêmio Talento Engenharia Estrutural destaca o trabalho de engenheiros em grandes projetos brasileiros

Engenheiros premiados foram responsáveis pelos projetos do Centro Cultural Niemeyer, em Goiânia, da cobertura do Estádio Olímpico João Havelange, utilizado nos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro, e da estação Alto do Ipiranga da Linha 2 do Metrô, em S

A 5ª edição do Prêmio Talento Engenharia Estrutural, principal prêmio de engenharia estrutural do Brasil, destacou seis profissionais que desenvolveram projetos em várias regiões do País.
 
Os vencedores foram homenageados ontem, 17 de outubro, às 18h30, no Hotel Hyatt, em São Paulo. A premiação, promovida pelo Grupo Gerdau e pela Associação Brasileira de Engenharia e Consultoria Estrutural (Abece), contou com número recorde de inscritos, com 124 projetos participantes, 48% a mais em comparação com o ano anterior.
 
A premiação apontou um vencedor e um projeto destacado como menção honrosa para cada uma das três categorias: edificações, obras de arte e obras de pequeno porte e estruturas especiais. Os primeiros colocados das três categorias ganham troféu e certificado, além de passagens, mais estadia, para participar do Salão Internacional da Construção, o Batimat 2007, um dos maiores eventos do mundo nesse segmento, realizado em Paris. Os profissionais responsáveis pelos projetos destacados com menção honrosa receberam placa e certificado.
 
O primeiro colocado na categoria edificações foi o engenheiro Gilberto Mascarenhas Barbosa do Vale, responsável pelo projeto do Centro Cultural Niemeyer, em Goiânia. A categoria leva em conta as estruturas verticais e/ou horizontais que se destinam à utilização residencial, comercial, escolar, entre outras. O projeto do Centro Cultural Niemeyer, compreende um conjunto de quatro prédios: monumento em forma de pirâmide, teatro, prédio administrativo com cinco pavimentos e museu.
 
Na categoria obras de arte, o vencedor foi o engenheiro Luciano Afonso Borges, da Maubertec Engenharia e Projetos. O inovador projeto da Estação Alto do Ipiranga, da Linha 2 do Metrô em São Paulo, posiciona a estação em um grande poço circular com 34 metros de diâmetro. O mezanino da estação é feito de uma estrutura suspensa mista, e o uso de uma cobertura metálica revestida em vidro confere beleza e luminosidade ao local. A obra lançou uma tendência – algumas estações da Linha 4 do Metrô vêm sendo executadas de acordo com o mesmo modelo. A categoria obras de arte revela os profissionais que desenvolveram as melhores estruturas para projetos como pontes, viadutos, passarelas, monumentos, obras de saneamento, entre outras.
 
Já na categoria obras de pequeno porte e estruturas especiais, o primeiro prêmio foi para o engenheiro Flávio Correia D’Alambert, da Projeto Alpha Engenharia de Estruturas, de São Paulo, com a cobertura do estádio olímpico João Havelange, que sediou os Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro. O grande diferencial da obra são os quatro arcos que sustentam a cobertura – dois deles possuem 163 metros e outros dois contam com 220 metros de vão livre. Esse é o segundo maior do mundo, perdendo apenas para o do Estádio Olímpico de Atenas, na Grécia. Na América Latina não há obra similar em termos de dificuldade de construção, fabricação e montagem. D’Alambert é o único bicampeão do prêmio, pois em 2006, venceu a categoria soluções inovadoras, com a obra do Centro de Convenções World Trade Center, em São Paulo.
 
A premiação reconheceu também outros profissionais que desenvolveram projetos de destaque em cada uma das categorias com menção honrosa. Em edificações, o destaque foi para o engenheiro Aluizio D'Avilla, de São Paulo, pela obra do Edifício Santa Catarina. Em obras de arte, o engenheiro Marcelo Henrique Avelar Costa, da Ceprol - Construção e Engenharia de Projetos, de Lagoa Santa (MG), recebeu menção honrosa pelo Viaduto Retorno de Lagoa Santa. E a menção honrosa na categoria obras de pequeno porte e estruturas especiais foi para o engenheiro Raul Neuenschwander Neto, da R Neuenschwander Engenharia de Estruturas, de Sete Lagoas (MG). A obra premiada foi o Residencial Sete Lagoas.
 
Assessoria de Imprensa – (51) 3323-2170
imprensa@gerdau.com.br
www.gerdau.com
 
Quinta-feira, 18 de outubro de 2007 
 
 
« Back
De
Nome
Para
Nome
E-mail