Prato Popular atende a mais de 300 pessoas por dia em Maracanaú

Renda familiar de até meio salário mínimo e habitar na região são pré-requisitos para entrar no programa cuja principal ação é a oferta de palestras educativas cursos profissionalizantes em diversas áreas como corte e costura e alimentação para todos os c

Inaugurado em setembro de 2004, o Projeto Prato Popular instalado em Acaracuzinho, bairro do município de Maracanaú (20 quilômetros de Fortaleza), atende a uma média de 340 pessoas por dia. Com capacidade para 350 refeições diárias, o restaurante cobra R$ 0,50 por prato e funciona entre 11 e 13 horas de segunda à sexta-feira. Renda familiar de até meio salário mínimo e habitar na região são pré-requisitos para entrar no programa cuja principal ação é a oferta de palestras educativas cursos profissionalizantes em diversas áreas como corte e costura e alimentação para todos os cadastrados no Prato Popular.
 
A formação dos cursos para comunidade é o ponto principal do projeto. Com ela se espera que essas pessoas não precisem mais estar no programa abrindo vagas para outras serem atendidas. Um Comitê Gestor possui representantes de todas as instituições envolvidas no projeto e se reúne mensalmente para avaliar as ações e programar novos cursos. O Projeto já beneficiou mais de quatro mil pessoas e ganhou, no ano passado, uma ampliação com o Projeto Cozinha Brasil, no qual os cerca de cem participantes aprenderam receitas aproveitando partes de alimentos que seriam jogadas no lixo para a criação de pratos de alto valor nutritivo e qualidade.
 
O restaurante é uma iniciativa da Gerdau Cearense em associação com a fornecedora de alimentos Serlares e Prefeitura Municipal de Maracanaú, contando ainda com apoio do Sesi e da Pastoral da Criança de Maracanaú. O Prato Popular oferece as mesmas refeições servidas no refeitório da Gerdau incluindo arroz, feijão, macarrão, salada, farofa e a proteína do dia como carne, frango ou fígado, variando de acordo com o dia da semana.
 
Além das 350 refeições para adulto, o projeto atende cerca de 80 crianças de até sete anos de idade que não pagam por refeição e fornece almoço para a Creche Nossa Senhora de Lurdes, instalada no prédio vizinho ao restaurante. A equipe é composta por seis funcionários da Serlares e duas pessoas da comunidade que apóiam no atendimento.
 
O Prato Popular foi construído em terreno da Prefeitura pelo Grupo Gerdau que também reformou a creche Nossa Senhora de Lurdes. O espaço é utilizado, em um sábado por mês, pela Pastoral da Criança para a Celebração da Vida, momento no qual é realizado o acompanhamento das crianças em estado de subnutrição.
 
Assessoria de Imprensa – (51) 3323-2170
imprensa@gerdau.com.br
www.gerdau.com
 
Quarta-feira, 8 de agosto de 2007
 
 
« Back
De
Nome
Para
Nome
E-mail