Orquestra de Câmara de Ouro Branco apresenta-se na Matriz de Santo Antônio

A apresentação gratuita é realizada pela Casa de Música de Ouro Branco, instituição que conta com o apoio da Gerdau

No domingo, 26 de abril, a Orquestra de Câmara de Ouro Branco, iniciativa apoiada pela Gerdau, apresenta-se na Matriz de Santo Antônio, em Ouro Branco, às 20h30. O concerto faz parte do Circuito Cultural 2015, que percorre diferentes cidades de Minas Gerais. Dois dias antes, na sexta-feira, 24 de abril, Belo Horizonte recebe o grupo no Museu Inimá de Paula.
 
Com regência de Charles Roussin, a Orquestra de Câmara de Ouro Branco escolheu um repertório diversificado. A primeira peça será Concerto para cordas em Dó menor, RV 118, de Antonio Vivaldi. Em seguida, outra obra do compositor italiano: Concerto para Oboé e Violino, RV 548, com solo dos irmãos Tatiana Martins (violino) e Giovanni Martins (oboé), de 18 e 14 anos, respectivamente. Os jovens músicos, alunos da Casa de Música de Ouro Branco desde criança, têm se destacado nos últimos anos. Ela acaba de ser aprovada em 1º lugar em violino na UFMG e ele foi um dos vencedores do IV Concurso Jovens Solistas da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais, promovido pela Fundação Clóvis Salgado, em 2013.
 
A terceira obra escolhida pela Orquestra é Concerto para Contrabaixo nº2 em B menor, de Giovanni Bottesini, com solo da contrabaixista Rebeca Tavares. Bottesini é bastante conhecido por introduzir um conteúdo musical mais substancioso para o contrabaixo, transformando a maneira como este instrumento era visto, considerado até então de poucos recursos.
 
A orquestra encerra a apresentação com Concerto à Brasileira nº4, de Radamés Gnattali, um dos personagens da música brasileira que mais circularam entre os universos popular e erudito. O solo é do violonista Gustavo Farias.
As entradas para os dois concertos são gratuitas.

A Casa de Música conta com patrocínio da Gerdau, Milplan e White Martins através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura.
 
Orquestra de Câmara de Ouro Branco
 
Criada em 2001, a Orquestra de Câmara de Ouro Branco é formada por cerca de 20 alunos das oficinas de instrumentos da Casa de Música de Ouro Branco. Desde então, vem realizando diversos concertos em Ouro Branco e nas cidades da Estrada Real, dentro do Projeto Circuito Cultural, com o patrocínio da Gerdau, por meio das Leis Federal e Estadual de Incentivo à Cultura. Um dos objetivos do projeto é valorizar e incentivar a composição contemporânea de música erudita.
 
Casa de Música de Ouro Branco
 
A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.
Mais informações: www.casademusica.org
 
Sobre a Gerdau
 
A Gerdau é líder no segmento de aços longos nas Américas e uma das principais fornecedoras de aços especiais do mundo. No Brasil, também produz aços planos e minério de ferro, atividades que estão ampliando o mix de produtos oferecidos ao mercado e a competitividade das operações. A Gerdau possui plantas industriais em 14 países – nas Américas, na Europa e na Ásia –, as quais somam uma capacidade instalada superior a 25 milhões de toneladas de aço por ano. Além disso, é a maior recicladora da América Latina e, no mundo, transforma, anualmente, milhões de toneladas de sucata em aço, reforçando seu compromisso com o desenvolvimento sustentável das regiões onde atua. Com mais de 120 mil acionistas, as ações das empresas Gerdau estão listadas nas bolsas de valores de São Paulo, Nova Iorque e Madri.
 
 
 
« Back
De
Nome
Para
Nome
E-mail